Rede Lopes

Estamos conectados ao maior banco de imóveis compartilhado da América Latina.

Quatro cidades para esquiar no inverno europeu

São Paulo, 16 de dezembro de 2021

Pistas emocionantes, restaurantes sofisticados, lojas das melhores grifes do mundo: esses são apenas alguns dos atrativos das mais badaladas cidades europeias para esqui e esportes de neve. Pequenas aldeias nos sopés de montanhas famosas – uma delas inclusive é a estrela da embalagem do chocolate Toblerone – transformam-se em uma verdadeira festa durante os meses de inverno do Hemisfério Norte. Além das paisagens deslumbrantes, essas cidades oferecem uma infraestrutura que beira a excelência, com teleféricos que levam até o topo de cumes com belas vistas e restaurantes deliciosos, spas para distender os músculos após horas de esqui e passeios relaxantes por lagos e montanhas.  

Zermatt 

Quem gosta de neve e esportes de inverno precisa visitar pelo menos uma vez a cidade suíça. Durante o inverno, a bela paisagem coroada pelo monte Matterhorn – cuja imagem ilustra um dos chocolates mais famosos do mundo, o Toblerone – brilha sob o sol na maior parte dos dias. Pitoresca e com arquitetura tradicional bem conservada, Zermatt recebe o turista com todo o luxo e cuidado, oferecendo uma infraestrutura impecável para esquiar, caminhadas pelas montanhas e tours pelos Alpes. Até mesmo a viagem de trem até lá é de tirar o fôlego, com vistas deslumbrantes que podem ser apreciadas pelas janelas panorâmicas dos vagões. Detalhe que pode encantar quem busca por algo diferente: os automóveis são proibidos, e os turistas usam trenós e carrinhos elétricos para se locomover.

Chamonix

A cidade francesa também tem um monte para chamar de seu: o Montblanc, o mais alto dos Alpes e da União Europeia. A partir do centro de Chamonix é possível subir de teleférico até um dos cumes, o Aiguille du Midi, a 3.842 metros, em apenas 20 minutos. A cidade tem um leque de atrações capaz de conquistar até mesmo que não é fã de esqui ou escaladas, incluindo o restaurante duas estrelas Michelin do hotel de luxo Albert Premier e o Bachal Spa, do mesmo complexo. Os praticantes de esportes na neve, claro, encontram um menu completo, variado, atraente e com excelente qualidade. A pista de esqui mais famosa é a Grands Montets, mas a Brévent, mais indicada a esportistas de nível intermediário, é uma ótima pedida: a descida é abrilhantada com a vista deslumbrante do Montblanc na face sul. Isso sem falar no restaurante panorâmico, que oferece pratos da culinária francesa em seu terraço ensolarado com outra vista de tirar o fôlego.

Cortina d’Ampezzo

Recentemente, a estilista Miuccia Prada apresentou sua coleção, Miu Miu, com um desfile em Cortina d’Ampezzo, o mais famoso e badalado destino de esportes de inverno da Itália. A cidade também tem o seu pico com status de super star: a Marmolada, que ostenta o título de Rainha dos Dolomitas, a cadeia de montanhas da região. Além da paisagem incrível, cercada  por picos rochosos, Cortina tem um charmoso centro histórico, resorts cinco estrelas para todos os gostos, restaurantes refinados e lojas de grifes, joalherias e galerias de arte fascinantes. Durante o inverno, a cidade vive seu ápice, com alto investimento das marcas de luxo, que preparam vitrines especiais para lançar as tendências da estação. O local é um charme também no verão, quando o verde constrasta com a parede rochosa das montanhas.

Kitzbühel

Localizada no estado de Tirol, na Áustria, a cidade sedia importantes competições internacionais em suas pistas lendárias. São 180 quilômetros de caminhos deslizantes e sinuosos adaptados a todos os tipos de esquiadores, desde os mais ágeis e habilidosos até os iniciantes. Com um centro de arquitetura medieval e residências em tons pastéis, a cidade reúne grifes chiques, restaurantes sofisticados e charmosos e aconchegantes chalés. Também é famosa por ter uma longa temporada de esqui, uma vez que a neve é preservada durante o verão, possibilitando a abertura antecipada.



Posts recentes

Um exclusivo paraíso tropical na costa australiana

Patrimônio mundial da Unesco localizada na Austrália, a aproximadamente 600 quilômetros da costa do país, a ilha Lord Howe é um verdadeiro paraíso tropical a ser descoberto e saboreado com tranquilidade. Com apenas 11 quilômetros de comprimento, 2 de largura e cerca de 380 moradores permanentes, trata-se de um dos destinos mais procurados por quem […]

Leia Mais
Wellness no mercado imobiliário

O conceito ganhou relevância quando o assunto é ativo econômico. Wellness foi umas das tendências mais aceleradas no mercado imobiliário nos últimos dois anos. Segundo o Global Wellness Institute, o mercado imobiliário de bem-estar apresenta crescimento médio anual de 6,4% desde 2015 e pode chegar a US$ 197 bilhões ainda este ano. Quando o assunto […]

Leia Mais